Yoga para gestantes – Serenidade e Confiança

A prática de Yoga para as gestantes ajuda a fortalecer o vínculo entre as mães e seus bebês.  Estudos  comprovam a importância de se fazer uma atividade física durante a gestação. Neste caso, o Yoga, associando as posturas físicas com exercícios respiratórios, meditação e relaxamento, é uma ótima aliada para uma gravidez saudável.

O Yoga, como filosofia de vida, propicia um estado de saúde mental e emocional, além do físico. A prática agrega inúmeros benefícios por trabalhar as questões emocionais; enquanto acalma a mente, fortalece o corpo e o espírito. Além disso ajuda a diminuir o stress. Melhora a  autoconfiança da mãe e a comunicação entre ela e seu bebê. Normalmente as aulas de Yoga são compostas por exercícios de equilíbrio, flexibilidade, respiração e força.

yoga gestantesNo caso do Yoga  para as gestantes, faz-se uma adaptação para atender as necessidades específicas das grávidas. Exercícios que trazem alívio para dores nas costas, varizes, cansaço ou inchaço nas pernas são bem vindos.

 

Estudos realizados por cientistas da Fundação de Pesquisa Vivekananda, na Índia, publicados no Journal of Alternative and Complementary Medicine. Abril 2005, sobre os efeitos da prática do Yoga na gravidez apontam que as mulheres que praticaram obtiveram benefícios tais como: peso do bebê significativamente maior; partos prematuros consideravelmente menor, número de complicações e hipertensão devido a gravidez expressivamente menor e nenhum registro de efeitos colaterais significativos. Concluíram que a prática do Yoga na gravidez é  totalmente segura e aprimora o ganho de peso do bebê.

Yoga: Benefícios antes e após o parto…

Para o parto a prática também nos beneficia, pois prepara a mulher para esse momento mágico que é o de conceber uma vida. Antes e após o parto, o Yoga será sempre um aliado. Ele nos permite perceber e aceitar com disposição as transformações corporais, hormonais  e emocionais.

É bom pedir autorização do seu médico para frequentar as aulas de Yoga. De um modo geral, todas podem praticar do início ao fim da gravidez , podendo retornar assim que o médico a liberar.

Após o parto o  Yoga vai ajudá-la a se manter serena e confiante além de ajudar na recuperação do corpo para que seus órgãos reassumam seus lugares.

Quer saber mais?

> Ioga reduz sintomas de depressão – Estadão

Gostou do artigo? Deixe seu comentário abaixo. Vai ser um prazer conversar com você.

Namastê.

Curtir JF Jornal do Face
Curtir este Artigo

Leia também:

Se gostou desse artigo compartilhe com seus amigos. Meu nome é Débora e sou empreendedora digital. Agora tenho um sonho realizado, trabalho em casa e ainda contribuo com grandes causas sociais. Meu propósito é trazer reflexões e possibilidades. Junte-se a nós nesse grande projeto e torne-se um afiliado da Social Fórmula Top clicando aqui . Namastê sempre...


ATENÇÃO: O meu blog utiliza Copyscape Premium, um serviço de deteção e notificação automática de plágio, por favor pense nas consequências negativas do Google penalizar seu website antes de duplicar o meu conteúdo.